3 de março de 2018

Parceria entre Sindicato dos servidores públicos de Turilândia e UFMA oferece formação continuada a profesores


Em uma parceria entre o Sindicato dos Servidores públicos de Turilândia (SINSEREP-TU) e a Universidade Federal do Maranhão (UFMA),  aconteceu hoje o I Seminário de Formação Docente, como abertura do Projetos de Vida: Religando Saberes , construindo conhecimento.

A cerimônia de abertura foi realizada pelo professor e presidente do Sindicato dos professores de Turilândia, Carlos Henrique Cruz Ferraz, juntamente com o coordenador Local Projeto de vidas, Edilson Cosa Silva, com a presença da coordenadora do projeto, professora Heridan, além dos professores convidados, Milson Louzeiro e Rayron Lennon Costa Sousa.

O projeto de vidas é uma formação continuada que trata das novas tecnologias multimídia usadas em sala de aula. O projeto tem a duração de 8 meses, e a coordenação do projeto acompanhará  a aplicação dessas tecnologias e seus resultados.

A professora dra. Heridan de Jesus Guterres, apresentou o tema, falando sobre os princípios da gestão democrática, a aplicação do currículo para Educação integral e os direitos de aprendizagem.

O conferencista Prof. Rayron Lennon Costa, explanou o tema “O que há por trás da escola? Poe espaços dialógicos e aprendizagens significativas.

O prof. Milson Louzeiro , falou sobre o impacto causado pela internet na educação, e como usá-la como uma ferramenta na sala de aula, permeando o processo de ensino e de aprendizagem, mais precisamente de professores e alunos.

O projeto  deverá ser desenvolvido com encontros mensais entre os professores inscritos e os coordenadores do projeto e ao término do curso, todos os participantes  receberão um certificado de 120h oferecido pela UFMA.

Segundo o Presidente do SINSEREP-TU, Carlos Henrique Cruz Ferraz, o sindicato deverá custear todas as despesas da logística e alimentação dos professores inscritos, durante todo o curso.   










































Mais Recente
Próxima Notícia
Leia Também

0 comentários:

Deixe aqui sua opinião.
Atenção: Comentários com palavras ofensivas ou críticas fora de propósito, ligados ou não ao tema,serão deletados. Ataques pessoais ou a marcas, difamações, racismo ou obscenidades não são permitidos.